PROCEDIMENTOS DE REPRODUÇÃO

Sexagem

A partir de 3 meses de idade os animais podem ser cruzados, numa proporção de 1 macho para 4 fêmeas (Acasalamento poligâmico), estes serão mantidos juntos por um período de 18 dias.

Após este período, as fêmeas notadamente prenhes (que é facilmente percebido pelo volume do abdômen) são colocadas em gaiolas individuais. Após o parto, o número de filhotes, que freqüentemente chega a mais de 11, é reduzido para apenas 8, os filhotes em excesso são sacrificados.

A manutenção de 8 filhotes é muito importante para que todos os animais cresçam dentro das mesmas condições ambientais. Por exemplo, com este número, os filhotes não terão que disputar entre si os mamilos da mãe e esta não terá dificuldades de se deitar sobre os filhotes e exercer o instinto maternal.

Após 21 dias da data de nascimento dos filhotes, é feito pelo técnico Bioterista a separação dos indivíduos pelo sexo onde pode se privilegiar um sexo pelo outro. Geralmente, o sexo mais usado é o macho porque não há o problema com o ciclo estral.






SEXAGEM


A sexagem dos filhotes pode ser feita já no primeiro dia de vida. É fácil e baseia-se na distância entre os orifícios anal e sexual: nos machos esta distância é bem maior.

Fêmea do C57BL Macho do C57BL